10 de jun de 2015

A Prefeitura de São Luís preparou este ano uma grande festa junina, com uma programação diversificada de atrações que contemplam a participação de todas as manifestações culturais maranhenses. A festança, que começa nesta sexta-feira (12) no Terreiro de Maria, na Praça Maria Aragão, teve toda a programação artística organizada por meio de editais públicos, que atendem à política de democratização do acesso e participação nos eventos públicos promovidos pela Prefeitura.

Além desse aspecto, a Prefeitura de São Luís e o governo do Estado realizam juntos o projeto "São João de Todos", no qual homenageiam em seus espaços grandes personalidades da cultura maranhense, entre eles os cantadores de bumba-meu-boi Humberto de Maracanã e Donato Alves (Boi de Axixá), que terão seus nomes em dois dos principais arraiais da programação: o Parque da Vila Palmeira e o Arraial do Ipem, respectivamente.

A parceria firmada pela Prefeitura com o Governo do Maranhão contempla a participação de grupos folclóricos selecionados pela Secretaria Estadual de Cultura (Secma), que se apresentam no Terreiro de Maria, no período de 12 a 17 de junho. Já as brincadeiras selecionadas pelos editais da Fundação Municipal de Cultura (Func) apresentam-se no período de 18 a 29 de junho.

"A festa junina desse ano consolida dois importantes instrumentos de democratização da cultura e de respeito aos cidadãos ludovicenses: a política de editais, que abre espaço à participação de todos os grupos; e a parceria com o governo do Estado, que aponta novos caminhos em favor do bem comum de nossa população também na área da cultura", disse o presidente da Func, Marlon Botão.

Botão ressaltou que quatro editais foram publicados para democratizar a maior festa popular de São Luís: um para seleção de propostas artísticas e outros três para credenciamento de vendedores ambulantes, aluguel de barracas e para apoio a eventos comunitários, que dá suporte a arraiais espalhados pelos bairros da cidade.
No primeiro edital foram inscritas 377 propostas, entre apresentação de grupos folclóricos, shows musicais, expressões cênicas e danças populares, sendo que um total de 207 propostas foram selecionadas.

Como forma de incentivo à preservação de suas manifestações, alguns grupos entre os inscritos foram convidados a se apresentar na festa, entre eles, o Boi de Costa de Mão de Cururupu, o Boi de Rama Santa, a Dança do Péla Porco de Riacho Seco e o Coco Pirinã, além de outras manifestações que estarão na programação dos bairros.


A expectativa da organização é que até o dia 29 de junho, data para término das apresentações juninas, uma média de seis apresentações por noite passem pelos arraiais, contabilizando um total de quase mil grupos folclóricos entre bumba bois, cacuriás, tambores de crioula, quadrilhas juninas, danças do coco, danças portuguesas e shows musicais.
Reações:

0 comentários :

Design de NewWpThemes