14 de jun de 2014

Lideranças políticas, militantes e representantes de movimentos sociais compareceram neste sábado (14) à convenção estadual do Partido Progressista (PP) que confirmou os nomes de 23 candidatos a deputados estaduais e três federais da legenda para as eleições de outubro e reafirmou o apoio a Flávio Dino (PCdoB) para o governo do estado e a Roberto Rocha (PSB) para a disputa ao Senado. A convenção foi realizada no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, do Sebrae, em São Luís.

“Estamos aqui reunidos para mostrarmos ao Maranhão, ao Brasil e para o mundo que pulsa no coração de cada um o sentimento da mudança, da conquista e transformação”, disse o deputado federal e presidente estadual do PP, Waldir Maranhão. “Esse ato político representa a unidade das oposições para que tenhamos uma mudança no Maranhão”.

As lideranças do PP manifestaram confiança na unidade da oposição para renovar a política do estado. Foi o caso de Lilian de Oliveira, vereadora de São Pedro da Água Branca, que falou em nome dos demais vereadores progressistas. “Estamos participando desse projeto de mudança do nosso estado. Quando ela acontecer, vai alcançar todos os municípios. Nós precisamos de uma nova realidade para o nosso estado. A causa de Flávio Dino é a nossa, porque ele é um homem que sonha com a mudança no Maranhão”, defendeu Lilian.

A convenção estadual do PP reuniu caravanas de 200 municípios maranhenses, com lideranças evangélicas da Igreja Mundial e mais de 100 municípios com representantes dos agentes comunitários de saúde.

Na presença do presidente nacional da legenda, Ciro Nogueira, e dos deputados estaduais Eliziane Gama (PPS), Marcelo Tavares (PSB) e Raimundo Cutrim (PCdoB) e dos deputados federais Domingos Dutra (SDD) e Simplício Araújo (SDD), além de centenas de outras lideranças políticas, os progressistas reafirmaram o compromisso com a mudança do Maranhão.

Ao reforçar a contribuição do PP para a unidade do campo oposicionista, o presidente nacional do partido reafirmou o compromisso da legenda com a mudança no estado. “A transformação está chegando ao Maranhão. A união dessas nove legendas trará, eu tenho certeza, um novo momento para a história desse estado”, declarou Ciro Nogueira. O secretário-geral do PP no estado também partilhou do mesmo sentimento, “Estamos apostando na alternância de poder. Juntos, estamos mais fortes”, disse Amilton Ferreira.

A importância da unidade das oposições também foi abordada pelo pré-candidato Flávio Dino (PCdoB) que agradeceu o gesto de todos os que contribuíram com essa unidade em busca de um Maranhão diferente. “Vamos caminhar juntos para construirmos um Maranhão de justiça, oportunidades e igualdade”, defendeu.


O pré-candidato ao senado, Roberto Rocha (PSB), avaliou que a união do PDT, PSB, PTC, PP, PROS, SDD, PSDB e PPS traz esperança para um novo momento na política do estado. “A união reforça a esperança de Maranhão com oportunidades e justiça social”, disse ele.
O prefeito Edivaldo determinou a agilidade nas obras de intervenções para melhorias no trânsito da capital. Neste fim de semana,  a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) concluiu as obras do trecho da Avenida dos Holandeses, na Ponta do Farol, com a pavimentação na ampliação de faixas da via. As ações integram o Plano Estratégico de Melhorias do Trânsito. Em paralelo, equipes trabalharam na recuperação de vias nos bairros da cidade.

Esta semana, o prefeito vistoriou os trabalhos da Semosp na Avenida dos Holandeses. “Nós começamos uma série de obras em toda a cidade, temos trabalhado muito e estamos avançando passo a passo. O que pretendemos, a partir das intervenções, é proporcionar à população maior mobilidade urbana”, afirmou o prefeito Edivaldo.

No trecho do cruzamento da Avenida dos Holandeses com a entrada para a Avenida Litorânea, houve redução do canteiro central e colocação de sinalização semafórica, medidas necessárias para dar maior fluidez ao trânsito e segurança no acesso à Litorânea. O Plano Estratégico de Melhorias do Trânsito vai realizar, ao todo, 26 intervenções em vários pontos da cidade. A partir destas medidas, a Prefeitura proporciona maior fluidez no trânsito do transporte público e veículos em geral. 

RECUPERAÇÃO ASFÁLTICA - Durante toda a semana, a Prefeitura intensificou os serviços de requalificação asfáltica de ruas e avenidas de São Luís. O trabalho consiste em recompor a camada asfáltica a fim de reparar o desgaste da malha viária. Além do serviço tradicional com a utilização do concreto betuminoso usinado a quente (CBUQ), a Prefeitura utiliza o método de injeção por spray a quente com aplicação mecanizada para dar agilidade à operação.

Após o período chuvoso, estamos dando continuidade ao programa de recuperação de vias urbanas na cidade de São Luís. O prefeito tem a preocupação de propiciar trafegabilidade à malha viária do nosso município. Dessa forma, cuidamos da segurança de quem conduz os veículos e também da nossa população”, disse o secretário Antonio Araújo.


Entre as vias que passaram pela requalificação estão as avenidas General Arthur Carvalho (Turu), Tales Neto (João de Deus), Presidente José Sarney (Jardim São Cristóvão), São Marçal (João Paulo), Rua Boa Esperança (Cohama/ Turu), Santos Dumont (São Cristóvão), Antares (Recanto dos Vinhais), Estrada Nova do Vinhais e Estrada do Vinhais Velho, além das ruas São Carmelo (Pirapora), Inglês de Sousa (Liberdade), Sambaquis (Calhau) e das ruas 06 e 07 do São Francisco.
A Prefeitura de Santa Inês continua modernizando as escolas da rede municipal de ensino. Além da reconstrução, reforma e ampliação de várias unidades escolares nas zonas urbana e rural do município, a modernização vem sendo realizada através do reaparelhamento  que estão sendo equipadas com material de primeira qualidade.

Para incrementar essas melhorias, a Secretaria de Educação de Santa Inês disponibilizou esta semana mais um lote de novas carteiras, beneficiando escolas da zona urbana.
De acordo com o prefeito de Santa Inês, José de Ribamar Costa Alves, esse trabalho de modernização  vem corroborar com a total reestruturação que está sendo feita pela atual administração na Educação no município.

Ribamar Alves explicou que apesar das dificuldades financeiras, o Município de Santa Inês, com recursos próprios, implantou no ano passado sete creches, as quais atendem a cerca de 1.600 com idade entre dois e quatro anos.

Dentre essas creches, uma cultiva uma horta que fornece o complemento alimentar que é servido diariamente aos alunos. Outra unidade está dotada de piscina, onde as crianças praticam iniciação à natação.

Além dessas sete creches já em funcionamento, a Prefeitura de Santa Inês está finalizando a terraplanagem para a construção de mais três creches, de um total de cinco já conveniadas para serem erguidas na cidade.

Segundo Ribamar Alves, as creches foram conseguidas através de convênio com o Ministério da Educação (MEC), por meio do Programa Proinfância, com contrapartida da Prefeitura. O prefeito diz que a construção será feita pelo Governo Federal, através do Plano de Ações Articuladas (PAR).

ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Outro fator que para o município é novidade é a aquisição de produtos cultivados pelos pequenos agricultores de Santa Inês, que estão sendo beneficiados através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Ribamar Alves ressalta que em gestões anteriores as famílias dos pequenos produtores não participavam desses programas devido a falta de incentivo e principalmente pela ausência de uma Secretaria Municipal de Agricultura para atuar junto à classe produtiva.
AVANÇOS

Ainda na área da Educação, o prefeito Ribamar Alves cita avanços que vão além da estruturação da rede ensino, como é o caso da aprovação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público de Santa Inês. O Projeto de Lei foi aprovado pela Câmara de Vereadores, valorizando a classe educadora da rede municipal de ensino.


O prefeito destaca que fatores como capacitação de professores; distribuição de livros específicos para cada série do nível fundamental; novos ônibus para o transporte escolar e construção de novas escolas estão mudando a realidade da Educação no município de Santa Inês.
Começa neste sábado (14) a temporada das convenções partidárias para homologação de candidaturas e alianças.

PP, PSOL e PPL são os primeiros a reunir seus militantes para definirem composições das chapas proporcionais e majoritários.

O Partido Progressista, comandado no Estado pelo deputado Valdir Maranhão, além dos candidatos proporcionais vai reafirmar apoio a Flávio Dino.

O PSOL reúne nesta manhã no Sindicato dos Bancários para homologar a chapa proporcionais e a candidatura do advogado Antônio Pedrosa ao governo do Estado.


Na parte, no Hotel Rio Poty, será a vez do Partido Pátria Livre ter o mesmo procedimento em relação aos candidatos à eleição proporcional e confirmar a candidatura do médico José Luís Lago a governador.   

13 de jun de 2014

O coordenador do Diálogos pelo Maranhão e pré-candidato a governo do estado, Flávio Dino (PCdoB), esteve reunido com garimpeiros nesta última semana, durante visita à Região Tocantina. Na ocasião, Dino lembrou do apoio que deu à aprovação do Estatuto do Garimpeiro. Na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, Flávio foi relator do Projeto de Lei 7505/2006, de autoria do Poder Executivo, que instituiu o Estatuto do Garimpeiro. O Estatuto foi aprovado após muitos anos de debates no Congresso Nacional. 

A aprovação do Estatuto representou um ganho aos direitos trabalhistas dos profissionais que atuam em garimpos, segundo Flávio. “De atividade clandestina, os garimpeiros receberam uma garantia de legalização das relações de trabalho, definição sobre a sindicalização, os direitos e os deveres da categoria e a permissão de que o resultado da atividade do garimpeiro pode ser comercializado diretamente com o consumidor final. Foi uma conquista importante para a categoria”, disse. 

Na época, a direção da Frente de Defesa dos Direitos e Interesses dos Garimpeiros de Serra Pelada (Fredigasp) avaliou a indicação de Flávio Dino para relatar a matéria como facilitador para a aprovação. 

SAIBA MAIS - O estatuto é o marco legal do trabalho de garimpeiro no país, atividade que, segundo o governo, ocupa cerca de 1,5 milhão de pessoas - a maior parte sem carteira assinada e em condições insalubres. Entre os pontos principais da Lei está a determinação que só será considerado garimpeiro o trabalhador que atuar em área de extração que possui título minerário emitido pelo Departamento Nacional de Pesquisa Mineral (DNPM). O título é um documento que autoriza a lavra. O dispositivo estabelece ainda que a comercialização da extração só poderá ser feita após a emissão do título.


O segundo é o que define as cinco modalidades de trabalho para o garimpeiro. Segundo o PL 7505/06, os trabalhadores - obrigatoriamente maiores de 18 anos - podem exercer a atividade de forma autônoma, em regime de economia familiar, mediante contrato de parceria registrado em cartório, em cooperativa e de forma individual que gere relação empregatícia (como contrato com carteira assinada). A aprovação da lei também contribui no combate ao trabalho escravo na atividade.
Blog do Raimundo Garrone
O Ministério Público Eleitoral confirmou como fato verídico a condenação de Edinho Lobão a prisão por fraude na TV Difusora em São Mateus, e o desembargador Raimundo José Barros de Sousa negou a liminar a qual o pré-candidato do PMDB buscou para tentar censurar o blog e obrigá-lo a retirar do ar o post sobre o assunto.
No processo que abriu contra o jornalista editor deste blog, Lobinho apresentou certidão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região com um nada consta para alegar que a matéria sobre a sua condenação não possui “qualquer substrato fático e está ancorada em informações absolutamente insubsistente”.
Em seu parecer o MP sustenta que, ao contrário do que alega Edinho Lobão, o texto publicado pelo blog é verdadeiro, comprovado pela própria postagem da sentença, informando que a condenação criminal tinha sido declarada prescrita pelo juiz federal Ivo Anselmo Hohn Júnior.
O MP deixa claro que a condenação de Edinho Lobão, ainda que prescrita, é matéria de interesse público e que não caberia à Justiça Eleitoral proibir a sua veiculação, como pretende o filho do ministro Edison Lobão.
O Ministério Público também distingue o que é propaganda eleitoral na internet e o direito à livre manifestação do pensamento e da imprensa, esclarecendo que “a propaganda elitoral é aquela realizada por candidato, partido político, coligação ou alguém às suas expensas, em sítios eletrônicos, blogs, redes sociais ou sítios de mensagens eletrônicas enquanto o eleitor pode livremente expor sua manifestação de pensamento político, bem como o jornalista, tendo em vista a liberdade de imprensa”.
Para completar explica que “diferentemente das emissoras de rádio e de televisão, que são concessões públicas de amplo alcance no Brasil, os blogs de jornalistas na internet não sofrem as restrições estabelecidas no art. 45, da Lei nº 9.504/97 (aplicáveis a partir de 1º de julho do ano das eleições) e se essas restrições não se aplicam às emissoras de televisão e rádio durante o período eleitoral, também não devem restringir a liberdade de imprensa por meio da internet numa época anterior ao período eleitoral”.
Como jornalista (DRT 987) sinto-me aliviado com o parecer do MP que afasta as nuvens negras da censura, e me garante o exercício pleno da profissão.
Edinho foi condenado em setembro de 2010 a 1 ano 4 meses de prisão, mas com a lentidão da Justiça que levou 11 anos para julgar o caso, a sentença acabou prescrita.


Depois da vitória na Câmara da dos Deputados, o Senado federal aprovou no mês passado o piso salarial dos agentes comunitários de saúde e combate as endemias, no valor de R$ 1014, com jornada de trabalho de 40 horas semanais. O projeto de Lei 270/2006 seguiu para sanção e está nas mãos da presidente Dilma Rousseff aguardando a sanção.
O deputado federal Domingos Dutra (SD/MA), ocupou a tribuna para pedir celeridade na sanção que deve ser feita até a próxima segunda-feira (16/6).
“Está prevista, para segunda-feira, a sanção presidencial, pela Presidenta Dilma, do piso salarial dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de endemias. Eu espero que se confirme. Este ato será um ato importante não apenas para os agentes comunitários de saúde e para os agentes de combate às endemias, mas é uma homenagem à saúde pública brasileira”. Completou o deputado.
Dutra foi relator do projeto de Lei para os Agentes Comunitários de Saúde na Câmara dos Deputados e por isso ele sabe da importância e do sofrimento da classe que espera ansiosa pela sanção.  Para que os ACS possam receber integral o que o Ministério da Saúde já repassa aos municípios é preciso que Dilma bata o martelo, aprovando o projeto.  
“Nós já cantamos e decantamos aqui que os agentes comunitários de saúde atendem mais de 130 milhões de brasileiros. Eu que tive o prazer e a honra de ter sido o Relator da matéria, continuo acompanhando, e espero que na segunda-feira a Presidenta Dilma sancione esse projeto, para dar um pouco de estímulo a essa categoria gigantesca, de tal forma que todos os agentes comunitários de saúde e de combate a endemias tenham gosto para salvar a população mais pobre”, garantiu Domingos Dutra.
Para ajudar no pagamento dos novos salários, o projeto atribui à União a responsabilidade de complementar 95% do piso salarial. Em decreto, o Executivo federal poderá fixar a quantidade máxima de agentes que poderão ser contratados com o recebimento do auxílio financeiro da União.

O texto aprovado cria um incentivo financeiro a ser pago pelo governo federal aos estados, ao Distrito Federal e aos municípios para fortalecimento de políticas relacionadas à atuação de agentes comunitários de saúde e de combate às endemias. Esse incentivo deverá ser de, no mínimo, 5,3% do valor repassado pela União a cada entre federado e, no máximo, de 40% desse valor.

12 de jun de 2014

Tem início hoje o maior evento esportivo do planeta, a Copa do Mundo, que será realizada no Brasil pela primeira vez em mais de 60 anos. Além da paixão, a Copa traz ganhos concretos para o país - são pelo menos R$ 25 bilhões a mais sendo movimentados na economia. Estes recursos são movimentados pelos turistas brasileiros e estrangeiros que viajarão pelo Brasil nos 30 dias de jogos, beneficiando principalmente o comércio.

O pré-candidato ao governo do Estado, Flávio Dino, contribuiu com este processo de forma direta e ativa enquanto esteve à frente da Embratur, por indicação da presidenta Dilma Rousseff. O órgão é responsável pela promoção turística do Brasil no exterior e, durante os dois anos e meio de gestão de Flávio, o número de entrada de turistas no Brasil bateu o recorde de 6 milhões.

O setor turístico no Brasil emprega mais de 10 milhões de pessoas e movimenta cerca de 3,6% da economia. Em 2013, último ano de Flávio Dino à frente da Embratur, o Brasil foi o 6º país do mundo que mais criou empregos ligados ao turismo, segundo levantamento da WTTC, o Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, na sigla em inglês). "Fico feliz de contribuir com a geração de renda em nosso país, em um setor tão vivo da economia brasileira e maranhense que é o turismo", afirma Flávio Dino, hoje pré-candidato ao governo do Maranhão. 

Propostas para o Maranhão
Hoje coordenador do Diálogos pelo Maranhão, Flávio Dino defende o investimento no turismo como incentivo ao desenvolvimento do estado e para geração de emprego e renda para os maranhenses. O Movimento já percorreu mais de 100 cidades e ouviu cerca de 45 mil pessoas de todas as regiões do estado.


Entre as 63 Propostas para um Maranhão com Desenvolvimento e Justiça Social, há o investimento na estruturação e na promoção dos polos de turismo interno e internacional atualmente explorados no Maranhão. Os investimentos, conforme consta no documento, serão voltados prioritariamente para os segmentos sol e praia; ecoturismo e turismo de aventura; cultura; negócios e eventos.
Começa nesta sexta-feira (13) a festa mais popular da cultura local: o São João de São Luís, evento promovido pela Prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Cultura (Func). Durante dezessete dias, a Praça Maria Aragão será um grande palco para apresentação de diversos grupos folclóricos. A programação conta com 209 atrações, selecionadas por meio de edital, que vão mostrar a diversidade de ritmos, sotaques, cores e folguedos que compõem o mosaico da cultura popular maranhense.

Com o tema “São João de São Luís – O Arraial do Brasil é aqui”, o evento pretende atrair mais de 100 mil pessoas, durante a temporada junina, para a Praça Maria Aragão, que neste período recebe o nome de “Terreiro da Maria”, onde ficará o palco principal dos festejos, funcionando todos os dias, das 18h às 00h.

Além das tradicionais barracas de palha, típicas dos arraiais nordestinos, a decoração do “Terreiro da Maria” vai receber o colorido das bandeiras de São João e 15 totens com ícones estilizados de personagens da cultura popular. 
Para que o visitante tenha uma amostra da diversidade de manifestações culturais, cada noite da programação contará com apresentação de danças, shows e grupos de bumba-meu-boi de diferentes sotaques.

“Procuramos montar a programação para que, numa mesma noite, o visitante possa apreciar as diferentes brincadeiras juninas sem precisar sair do Arraial da Maria Aragão. Além das atrações culturais no palco principal, teremos também apresentações de grupos de forró em barracão montado na praça”, disse o coordenador de eventos da Func, Ribamar Moraes.

A programação encerra no dia 29 de junho, dia de São Pedro, com derrubamento do mastro, acompanhado de caixeiras do Divino Espírito Santo, e apresentação do Tambor de Crioula Unidos de Santa Fé, show da cantora Teresa Canto, apresentação do Boi da Fé em Deus (sotaque de zabumba), Boi Brilho do Sol Nascente (sotaque de orquestra) e Boi de Maracanã (sotaque de matraca).

ENCONTRO DE SALVAGUARDA

Como forma de valorizar a tradição e a preservação de grupos que não tem se multiplicado, a coordenação do São João de São Luís convidou quatro grupos para se apresentarem no Arraial da Maria Aragão: a Dança do Coco da Ilha e Dança do Coco Pirinã, ambas do bairro Anjo da Guarda; a Dança do Lelê de São Simão, da cidade de Rosário; e a Dança do Caroço Tremembés, da cidade de Tutoia. Os quatro grupos vão se apresentar no dia 19 de junho, a partir das 19h.

“Estes grupos são os únicos que mantêm suas formas específicas de dança e podem deixar de existir. Além de estimular e apoiar o trabalho destes grupos, a apresentação servirá também para o visitante que queira fazer o registro dessas manifestações”, ressaltou Ribamar Moraes.

No dia 18 de junho, a homenagem será ao tambor de crioula. A data celebra o Dia Nacional do Tambor de Crioula. “Nós estamos preparando uma programação especial para o dia, com homenagens e rodas de conversa. Será uma noite de surpresas, por isso não consta na programação impressa”, explicou.

BAILES POPULARES
Em duas noites de bailes, o público não vai ficar parado ao som do brega e do forró. No dia 23, a programação contará com show dos cantores Walfredo Jair e Eugênia Miranda, ícones da música brega do Maranhão. No dia 26, serão os grupos Forró Pé no Chão, Forró do Bom e Marinaldo do Forró que vão apresentar o melhor do forró nordestino.

CLARINS DA ILHA
No dia de São João, padroeiro dos grupos de bumba-meu-boi, um cortejo de bois de orquestra farão a concentração às 19h, em frente à Igreja de São João, para seguirem dançando até a Praça Maria Aragão. O cortejo é bastante esperado pelos brincantes e acontece desde 2008. Participarão os grupos de bois de orquestra Encanto da Ilha, Redenção, Encanto do Olho D’Água, Boi do CEIC e Orgulho de Santa Clara.

FESTA NOS BAIRROS
Com programação diversificada, além do Arraial da Praça Maria Aragão, a Prefeitura contemplará diversos bairros e microrregiões da Ilha, atendendo a política de descentralização dos eventos culturais. Ao todo, 33 localidades receberão o apoio da Func com envio de atrações culturais, correspondentes às seguintes categorias: bumba-meu-boi, tambor de crioula, danças populares, grupos alternativos, grupos de forró pé de serra, shows, apresentações teatrais. A programação engloba atividades e apresentações para todas as faixas de idade, de grupos mirins a atrações mais tradicionais.

PROGRAMAÇÃO ARTÍSTICA
13/JUN - SEXTA
17h às 19h30 – Benzimento, carregamento e levantamento do mastro, com acompanhamento de caixeiras do Divino Espírito Santo (em cortejo da Igreja de Santo Antonio ao Terreiro da Maria)
20h – Boizinho Barrica
21h – SHOW "Umbigada Certeira" com Smith Junior
22h – Bumba-meu-Boi de Matraca da Maioba
23h – Cacuriá de Dona Teté
0h – Bumba-meu-Boi da Baixada da Floresta
1h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Axixá
Barracão do Forró
20h - Marinaldo do Forró
22h - Kambada do Forró

14/JUN - SÁBADO
18h – Tambor de Crioula Mirim Arte Nossa 
19h – Dança Portuguesa Raízes de Portugal
20h – Companhia Encantar
21h – SHOW com Tutuca 
22h – Bumba-meu-Boi de Zabumba da Liberdade
23h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Brilho da Ilha
0h – Bumba-meu-Boi de Matraca do Maracanã
Barracão do Forró
20h - Trio Poeirão
22h - Forró Falado 

15/JUN - DOMINGO
18h – Barriquinha
19h – Dança do Boiadeiro da Cidade Operária
20h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Encanto da Ilha
21h – SHOW "Todos os Junhos" com Zé Lopes
22h – Bumba-meu-Boi da Baixada União da Baixada
23h – Bumba-meu-Boi de Matraca de Matinha

16/JUN - SEGUNDA
19h – Dança Portuguesa Tradição de Portugal
20h – Dança Cigana Henrique Lobão
21h – SHOW "Fuliá de São João" com Oberdan Oliveira
22h – Bumba-meu-Boi de Orquestra do CEIC
23h – Bumba-meu-Boi de Matraca de Itapera de Maracanã

17/JUN - TERÇA
19h – Tambor de Crioula Dominador da Ilha
20h – Dança do Boiadeiro Cavalo de Prata
21h – SHOW com Jotha Junior e Banda
22h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Morros
23h – Bumba-meu-Boi de Matraca de Panaquatira 
0h – Bumba-meu-Boi da Baixada de Penalva

18/JUN - QUARTA
19h – Dança Cigana Coração Cigano
20h – Cacuriá Adolescentes Seguidores de Cristo
21h – SHOW "Acende a Fogueira" com Gilvan Mocidade 
22h – Grupo Alternativo Boizinho Incantado
23h – Bumba-meu-Boi de Zabumba da Vila Passos
0h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Upaon Açu
Barracão do Forró
20h - Grupo Xote e Baião
22h - Grupo Cheiro da Terra

19/JUN - QUINTA
19h – ENCONTRO DE SALVAGUARDA (Coco, Lelê, Lili, Caroço)
21h – SHOW com Papete
22h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Nina Rodrigues
23h – Bumba-meu-Boi da Baixada de Pindaré
Barracão do Forró
20h - Forró Pé no Chão
22h - Forró do Bom

20/JUN - SEXTA
19h – Folias Juninas com o Grupo Foliões
20h – Tambor de Crioula da Vila Passos
21h – SHOW "Balanço da Roseira" com Rosa Reis
22h – Bumba-meu-Boi da Baixada Brilho da Amizade
23h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Mocidade de Rosário
0h – Bumba-meu-Boi de Matraca do Barreto
Barracão do Forró
20h - Raízes da Terra
22h - Grupo Mandacarú

21/JUN - SÁBADO
18h – Tambor de Crioula Mirim de São Benedito
19h – Quadrilha Asa Branca
20h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Nina Rodrigues
21h – SHOW com o Grupo Musical Afrôs 
22h – Bumba-meu-Boi de Zabumba Unidos Venceremos
23h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Periz de Cima 
0h – Bumba-meu-Boi de Matraca de São José dos Índios 
Barracão do Forró
20h - Kambada do Forró
22h - Forró Falado

22/JUN - DOMINGO
18h – Cacuriá Mirim Rabo de Saia
19h – Quadrilha Flor do Sertão do Monte Castelo
20h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Tradição de São Bento
21h – SHOW com Célia Leite
22h – Bumba-meu-Boi da Baixada de Santa Fé
23h – Bumba-meu-Boi de Matraca de Ribamar

23/JUN - SEGUNDA
19h – Cacuriá da Fé em Deus
20h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Tajaçoaba
21h – NOITE DO BREGA com Eugênia Miranda e Walfredo Jair
23h – Bumba-meu-Boi de Matraca Famosão de Humberto de Campos

24/JUN - TERÇA
19h – Dança do Boiadeiro Império de Lisboa
20h – Grupo de Dança Baile de Caixa
21h – SHOW "Folia de São João" com o Grupo Folia de Três
22h – CLARINS DA ILHA - Encontro de Bumbas-meu-Boi de Orquestra (Encanto da Ilha, Redenção, Encanto do Olho d'Água, CEIC, Orgulho de Santa Clara)
Barracão do Forró
20h - Grupo Mandacarú
22h - Trio Poeirão

25/JUN - QUARTA
19h – Dança Portuguesa A Arte e Beleza de Portugal
20h – Bumba-meu-Boi de Costa-de-mão Brilho da Sociedade
21h – SHOW com a Banda Mixirico
22h – Grupo Alternativo Boi Pirilampo
23h – Bumba-meu-Boi da Baixada da Floresta
0h – Bumba-meu-Boi de Matraca de Iguaíba

26/JUN - QUINTA
19h – Quadrilha Nova Esperança
20h – Tambor de Crioula do Pindaré
21h – NOITE DO FORRÓ com Marinaldo do Forró, Forró Pé no Chão, Forró do Bom
23h – Bumba-meu-Boi de Orquestra da Lua

27/JUN - SEXTA
19h – Quadrilha Flor da Amizade
20h – Dança do Boiadeiro Encanto de Alcântara
21h – SHOW "Boi Mandingueiro" com Sérgio Brenha
22h – Bumba-meu-Boi da Baixada Oriente
23h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Brilho da Ilha
0h – Bumba-meu-Boi de Matraca da Maioba
Barracão do Forró
20h - Grupo Cheiro da Terra
22h - Grupo Xote e Baião

28/JUN - SÁBADO
18h – Bumba-meu-Boi Mirim Brilho do Arraial
19h – Cacuriá de Dona Teté
20h – Bumba-meu-Boi de Costa-de-mão de Rama Santa
21h – SHOW "Capital do Boi" com Ubiratan Sousa
22h – Bumba-meu-Boi de Orquestra de Axixá
23h – Bumba-meu-Boi de Zabumba da Liberdade
0h – Bumba-meu-Boi da Baixada Santa Fé
Barracão do Forró
20h - Forró do Bom
22h - Forró Pé no Chão

29/JUN - DOMINGO
18h – Derrubamento do mastro, com acompanhamento de caixeiras do Divino Espírito Santo
20h – Tambor de Crioula Unidos de Santa Fé
21h – SHOW com Teresa Canto
22h – Bumba-meu-Boi de Zabumba da Fé em Deus
23h – Bumba-meu-Boi de Orquestra Brilho do Sol Nascente
0h – Bumba-meu-Boi de Matraca de Maracanã
Barracão do Forró
20h - Raízes da Terra

22h - Marinaldo do Forró

Editorial - Jornal Pequeno

O grupo Sarney amarga frustração em cima de frustração nesse período pré-eleitoral. Tentou o apoio do PPS, de Eliziane Gama, e da própria deputada, mas não conseguiu. Tentou o PP, de Waldir Maranhão, não conseguiu. Tentou cooptar o PSDB, de João Castelo, não obteve êxito. O PT ficou lá, mas com quase toda a militância do partido apoiando Flávio Dino.

Os Sarney inventaram uma briga do prefeito Edivaldo Holanda Júnior com Flávio Dino, mas a briga não saiu. Até Deus meteram na história, por conta de ser o ex-presidente da Embratur candidato de um partido comunista. Mas, pelo visto, Deus também não quis acordo com eles. O candidato da oposição estava reunido, há poucos dias, com quase 160 pastores evangélicos.

Para fechar o cerco, o PDT, no qual investiram de todas as formas, por decisão nacional, está também na coligação de Flávio Dino. Sobrou para o grupo Sarney uma fileira de siglas de aluguel com sede, em sua maioria, nos sovacos dos presidentes e quase sem tempo na propaganda eleitoral. E, como coroamento dessa ‘maré’, os prefeitos só falam nas dificuldades de conseguir votos para a chapa governista, conforme se ouve nos bastidores da Assembléia Legislativa.

São consequências do atraso econômico do Maranhão, o preço das emboladas fictícias, como a Refinaria Premium, o preço da má qualidade da educação no Estado, da falta de segurança do cidadão e de convênios inexplicáveis que permitiram até a organizações da sociedade civil “abrir estradas e construir prédios públicos”. O povo acordou para o fato da pobreza, não do Maranhão, mas dos maranhenses; acordou para o entendimento de como o desvio de verbas públicas pode torná-lo infeliz.

Esperavam que Dilma e o PT reforçassem a candidatura do governo, mas até isso é duvidoso. Mesmo porque, em se tratando de intenções de votos, Dilma não consegue se consolidar e vem sofrendo quedas constantes. O PMDB rachou no meio e tenha-se como certo que a Copa do Mundo se transformou num evento anti-governamental. Com ou sem vitória do Brasil. Com derrota, então...

O espectro dessa eleição é de que não haverá um único presidenciável no palanque do governo do Estado. No máximo, Dilma e Lula farão gravações que não vão influir muito na decisão de um eleitorado determinado a tirar os Sarney do poder. Assim como muita gente no Governo Federal.

E ainda há o risco de Roseana pensar em perder essa eleição de propósito para retornar como salvadora da Pátria.  

A possibilidade do abuso de poder econômico vai estar vigiada como nunca. E por um fato muito evidente: o Brasil inteiro quer se livrar da má influência de José Sarney.



O pré-candidato a governador, Flávio Dino, propôs, ontem, durante inserção no horário eleitoral gratuito, que a residência de veraneio de São Marcos, pertencente ao governo do Estado, seja vendida e o valor arrecadado seja integralmente destinado a uma política social, como, por exemplo, uma unidade de saúde destinada a crianças com câncer. O imóvel é avaliado em pelo menos R$ 20 milhões.

O ex-presidente da Embratur avalia que enquanto tragédias se sucedem no Maranhão, o governo mantém gastos suntuosos absolutamente incompatíveis com a atual realidade maranhense.

Segundo ele, a medida implicará também na eliminação das despesas mensais com a manutenção e segurança. “Assim, uma parcela do patrimônio do povo do Maranhão será melhor utilizada, com uma destinação social, no lugar de banquetes e festas do mundo do poder”, defendeu.

Segundo Dino, a Casa de Veraneio serve hoje “única e exclusivamente para festas oficiais de integrantes do governo do Estado”.

Observou Flávio Dino que a residência era modesta, mas ganhou suntuosidade pelas mãos da governadora Roseana Sarney, nos anos 90, período em que foi completamente reformada e ganhou ares de mansão.

Parte dos R$ 3 milhões que o governo gasta anualmente com comidas, bebidas e decorações festivas é para a Casa de Veraneio. Saem também do bolso do contribuinte os custos de manutenção com jardinagem e seguranças para manter a mansão impecável, ressaltou Dino.
    


11 de jun de 2014

O Partido Progressista (PP) realiza neste sábado, (14), a partir das 8h, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, (Cohafuma), a sua convenção  para definir  candidaturas da legenda  para deputados federais e estaduais que concorrerão no pleito 2014.

Para este evento partidário, o PP aguarda a presença de cerca de  cinco mil pessoas de todo estado, dentre eles, dirigentes de partidos, deputados federais e estaduais da oposição unificada do Maranhão, prefeitos, vice-prefeitos, presidentes estaduais dos partidos PC do B, PSBD, SDD, (Solidariedade), Partido Republicano da Ordem Nacional (PROS), PSB, PTC, PR e PDT.

Dentre os candidatos a serem escolhidos pelo partido, destaca-se o nome do atual deputado federal e presidente estadual do PP - Waldir Maranhão -,  professor universitário, ex-reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), ex-secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, que busca se reeleger pela  terceira vez,  como representante do Maranhão, na Câmara dos Deputados (DF).
Convenção aberta ao público

A convenção, que será aberta ao público, ainda tem por objetivo anunciar apoio ao pré-candidato ao governo do Estado, Flávio Dino, (PC do B), que se fará presente na ocasião. Objetiva ainda, definir as principais bandeiras da legenda para esta eleição. O PP convida a todos que queiram ajudar na construção do programa e de um Maranhão melhor, a participar do encontro.

Ainda na ocasião, o PP buscará apoio de todos os diretórios municipais e regionais para juntos, se engajarem na reeleição da presidenta Dilma Roussef (PT), bem como os candidatos que o partido indicar para discutir entre todos os progressistas.
Para a convenção, o PP convidou  os senadores do partido, representantes de todo o Brasil como,  Ana Amélia, grande nome da educação nacional, Ciro Nogueira, presidente nacional do PP, Francisco Dorneles, Benedito de Lira e Ivo Cassol.



Aliado de João Castelo (foto) e membro da executiva do PSDB, o deputado Neto Evangelista já não nutre esperança com a candidatura ao Senado e está certo que a direção estadual vai negar a legenda ao ex-prefeito de São Luís.
Segundo Neto, a grande maioria da executiva vai optar pela manutenção do acordo que garante ao partido indicar o vice-governador na chapa de Flávio Dino, no encontro da próxima segunda-feira. 

Na reunião da ultima terça-feira, Evangelista observou que o grande problema de Castelo foi ter avisado que pretendia ser candidato ao Senado quando os partidos da coligação já havia fechado com Roberto Rocha    
O presidente estadual do partido, deputado Carlos Brandão, e o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, advertem que se a legenda indicar João Castelo para o Senado, provavelmente, será excluída da aliança de oposição, terá que lançar candidato próprio ao governo, estará sujeita ao isolamento e condenada a não eleger um único representante nas eleições 2014.   
Para Madeira, o partido está ema situação delicada, porque, embora tenha um candidato competitivo, ao mesmo tempo participa de uma coligação que já tem candidato ao Senado. "Pelo que eu sei os outros partidos não aceitam que o PSDB entre com a vice e o Senado. Na minha opinião, o partido deve decidir se cumpre o que foi acordado ou paga pra ver e corre o risco de ficar isolado, fora da coligação”.
Presidentes de partidos da oposição  consolidaram a aliança anti-oligarquia  
Após o PDT confirmar participação na aliança de oposição, o que será agora que o pessoal da oligarquia vai inventar para tentar criar cizânia entre os partidos que querem varrer o grupo Sarney do poder? Provavelmente vão insistir numa suposta candidatura de João Castelo ao Senado, mesmo sabendo que o sonho do ex-prefeito que acabou com a cidade de São Luís não tem a menor chance de ser realizado.

Como se fossem porta vozes do partido, cobraram, mais que os próprios dirigentes do PDT, o cumprimento do acordo que garantiria ao partido a indicação do candidato a vice-governador. Posteriormente insistiram com a tal pré-candidatura do ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, por último tentaram levar os pedetistas para o palanque de Edinho Lobão e mais uma vez tiveram que se curvar diante da realidade dos fatos.

Não são comentários em blog’s e muito menos no panfletão chamado jornal O Estado do Maranhão que vão fazer a oposição mudar de rumo ou seus dirigentes mudar o discurso em relação a oligarquia Sarney e o atraso que ela representa para o Maranhão. Pela primeira vez os partidos estão amadurecidos, vacinados contra intrigas e cientes do momento histórico.

Imaginar o PDT no palanque da oligarquia que roubou o mandato do ícone do partido, o ex-governador Jackson Lago, somente na cabeça de alguns puxa sacos cegos e sem a menor noção da realidade. O PDT está onde sempre esteve, ao lado da grande maioria da população que clama por mudança e quer se livrar do entulho que a 50 anos trava o desenvolvimento do estado.    
     


Design de NewWpThemes