4 de mai de 2015

Com o objetivo de melhorar a qualidade de vida em Belágua, um dos 30 municípios com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), do Maranhão, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF), lançou nesta sexta-feira (1), o programa ‘Mais Produção’, que será desenvolvido dentro do Plano de Ações ‘Mais IDH’, uma estratégia do governo do Estado para reduzir a pobreza e combater as desigualdades sociais no Maranhão.
 

O programa foi lançado pelo secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, representando o governador Flávio Dino, durante a Conferência e Feira da Agricultura Familiar do município, que também contou com a participação do prefeito Adalberto Rodrigues, e do secretário-adjunto de Produção e Comercialização da SAF, Francisco Sales.
 

Belágua é o primeiro, entre os 30 municípios mais pobres do Maranhão, a receber os Sistemas de Tecnologias Sociais Integradas (Sistecs), projeto que faz parte do programa ‘Mais Produção’, que tem como meta garantir mais alimentos na mesa e mais renda às famílias dos agricultores, com a implantação de sistemas de produção de alimentos, como criatórios de peixe, galinheiros e hortas.

 
Adelmo ressaltou a importância do programa ‘Mais Produção’ para a melhoria da qualidade de vida dos cerca de sete mil moradores de Belágua, sendo mais de 80% de famílias de agricultores. “Aqui começa a transformação de uma era que passou. A nossa presença na feira representa a política do governo Flávio Dino que demonstra o início da mudança para uma vida melhor” disse o secretário, destacando ainda que a feira será incrementada pelo projeto ‘Mais Feiras de Agricultura Familiar’, da SAF. “Vamos equipar com barracas e bancadas apropriadas, e balanças, melhorando a comercialização”, disse.

 
Na oportunidade, o secretário fez a entrega de vinte kits de irrigação aos agricultores do município, o que irá aumentar a produção agrícola com a irrigação dos plantios. A economia do município tem como base a criação de bode, galinha caipira, frutas, legumes, verduras e hortaliças que são comercializados na cidade e no município de Urbano Santos, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), programas federais que compram os alimentos diretamente dos produtores para distribuir em ações sociais.

 
Segundo o prefeito Adalberto Rodrigues, a presença do secretário Adelmo Soares na feira foi importante para mostrar ao governo do Estado que o município tem potencial para desenvolver a agricultura. “A visita do secretário enriqueceu o evento. A agricultura familiar ainda é tímida em Belágua, alguns produtores vendem e outros produzem apenas para o próprio consumo. Tenho certeza que com este programa a situação vai melhorar muito” ressaltou o prefeito.

 
Também participaram do evento o vice-prefeito, Raimundo Ferreira; representantes do Banco do Nordeste; da Câmara Municipal de Belágua; da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp); do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Belágua, secretários municipais de Agricultura Familiar, Meio Ambiente, Educação, Mulher e Assistência Social.

 
O secretário Adelmo Soares e sua equipe também reuniu com representantes do Comitê Gestor do ‘Mais IDH’ e do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Belágua para tratar das ações que serão implantadas em Belágua para mudar a realidade socioeconômica do município.
Reações:

0 comentários :

Design de NewWpThemes